ON FM

Liga-te

Faixa Atual

Título

Artista

Jornada Mundial de Juventude “não se faz sem o Papa”

Escrito por em Junho 9, 2023

Os responsáveis dizem que não há plano B.

[rev_slider alias=”parceiros”][/rev_slider]

A organização responsável pelas Jornadas Mundiais da Juventude (JMJ) que vão acontecer entre os dias 1 e 6 de agosto em Lisboa diz que “a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) não se faz sem o Papa” e que “a organização está a trabalhar com base exclusivamente nesse cenário”.

O “Público” questionou o comité sobre o que acontecerá à JMJ e foi esta a resposta que obtiveram. Está previsto o Papa estar em Lisboa a partir do dia 2 de agosto mas há várias questões que se levantam. O estado de saúde atual do Papa ou se o mesmo se agravar ou impedir o mesmo de participar no evento.

Não há outro cenário possível se Francisco estiver incapacitado. Na pior das hipóteses se morrer, não há tempo até ao evento para os cardeais da Igreja Católica encontrarem outro sucessor.

[rev_slider alias=”patrocinadores”][/rev_slider]

O comité organizador local afirmou que “A Jornada Mundial da Juventude é um encontro do Papa com os jovens de todo o mundo que ocorre sempre com a sua presença, independentemente de algumas limitações físicas que possa apresentar”.

O bispo auxiliar de Lisboa e presidente da Fundação JMJ Lisboa 2023 afirmou na passada terça-feira, 6 de junho: “Não existe um plano B”, revelou no encontro em que apresentou a agenda de cinco dias do representante da Igreja Católica no País: “O nosso único plano é F, de Francisco.”

[rev_slider alias=”patrocinadores”][/rev_slider]

Apesar de não existirem indicações da presença do líder da Igreja Católica a ser cancelada, os seus compromissos foram cancelados até dia 18 de junho. A JMJ iniciou-se em 1985 e desde sempre contou com a presença física do Papa.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.



ON FM

Liga-te

Faixa Atual

Título

Artista